quarta-feira, 14 de abril de 2010

Boneca de Fogo

Boneca de Fogo


Pequena menina de cabelos escuros,
sua maldade se exala em seu sorriso infantil
e sensualidade extravazada em seus lábios rubros,
me deixando inteiramente louco pelo mais cálido momento senil
de nossos corpos deleitosos em brasa humana.

Luto em vão em sua casa de bonecas,
sendo um brinquedo em suas mãos talentosas
arqueando ódio pelo ar em eco,
enquanto te beijo em minha raiva majestoza
e de natureza inquieta.

Não brinques com fogo menina
ou poderas se queimar.
A vida é mais complexa que seu jogo de damas,
mas se derrete em liquido e pó neste quarto a incendiar.

Não sei o que fizestes comigo
mas consigo sentir seu ódio surgindo em paixão.
Posso estar a caminho ou dormindo
e ainda assim te pegarei de desejo consumido
e te sentirei pela mão.

Enquanto o fogo da morte transforma a dor em meu alívio
queima também sua vingança do jazer peril,
pois por mais que eu esteja sem medo do escuro
com uma alucinada visão da ilusão de um terno vazio,
sei que no fim deste túnel encharcado de sangue
irei encontrar o pior de meus infernos
ou o pior de meus doces pesadelos,
inteiramente você.
Douglas Ibanez

9 comentários:

Rosana Ibanez disse...

Poxa!! Linda poesia!! Você escreve muitíssimo bem e consegue passar todo esse belo sentimento para todos nós, pelo menos é assim que me senti ao ler.
Adorei e continue sempre assim viu??
Beijos no coração

J. Araújo disse...

Surge o poeta; é isso.Parabéns!!
Como disse a mana aí em cima vc escreve muito bem mesmo. Continue assim e muito sucesso pra vc.
Abraço

Douglas disse...

Muito muito obrigado aos dois.
Que bom que gostaram.. hehe
=)

Bjo
Abraço
Faloow

Déia disse...

Nossa Douglas, adorei!

o fogo sempre transforma nossas vidas!!

bj

Doki☺Heytor disse...

Nossa *-*
é impressão minha ou tem muita coisa dita ali metaforicamente? *-*

Junior disse...

Hum
O amor é fogo que arde sem se ver...
Já dizia Camões.

Petro disse...

Muito legal o poema...e nós falamos smepre de amor...sempre digo que o amor é esta coisa feia que nós o desejamos por sua beleza interna...que nos deixa feliz..."Enquanto o fogo da morte transforma a dor em meu alívio
queima também sua vingança do jazer peril"...gostei disso.
xero P>>

Douglas disse...

Déia \o/.. que bom que gostou ^__^
Doki.. haha.. eu vivo nas metáforas, rs, mas gosto daquelas que são metáforas e ao mesmo não são sabe? Que dá para ter mil e uma interpretação, só dependendo do próprio leitor seu próprio entendimento. Até eu mesmo sou um leitor e interpreto de um jeito.. hehe

Junior.. pois é, já dizia Camões.. saudade daquele cara.. ahuahuaahuha

Petro.. que bom que gostooou!!
Fico feliz...
=)

Abraçoo a todos os comentaristas!
rs
Falow

SukihDeadPrincesS[TheBrokenAngelicDoll] disse...

Teu conto, meu conto
Teus pensamentos, meus sonhos
Teu brilho?
Minha escuridão...



Gostava conhecer-te melhor
podeira ser?

www.oqueestaavistaeninguemve.blogspot.com

Sukih ^^