sábado, 27 de junho de 2009

Just Dance

Não, eu não sou nenhum atrasado e nem muito menos farei uma matéria falando sobre Lady Gaga e suas novas músicas e coreografias. Hoje irei falar sobre alguém que não estava acima de qualquer dança, pois ele era a dança e a música era seu sangue.

Desde que soube da notícia passei a murmurar na cabeça, quase que imediatamente, o que deveria escrever aqui no Blog sobre Michael Jackson e em meio a tantas biografias resumidas de televisão e manchetes de jornal com fotos dele cada vez mais acabado, resolvi vir aqui, antes de falar sobre sua vida, para agradecê-lo (lá vem o sensacionalismo, devem estar pensando).




Michael Jackson, para mim, foi uma das pessoas que mais gostei no meio da música. Não sou aquele fã que tem ele no topo de sua lista de artistas favoritos (minha mãe é assim com ele), mas garanto que da quinta posição ele não passa. Além de sua voz maravilhosa, seu modo de cantar, de fazer a música não só uma arte de ouvir mas sim de ver e mexer. Eu admiro o Michael e toda a arte que ele trouxe ao mundo e a mim.

Podem rir sabe, mas eu, um garoto que curte dançar pra caramba, não seria nada sem o Michael Jackson. Desde criança eu via aqueles mortos dançando e ficava de olhos arregalados achando tudo o máximo. Via aqueles passos loucos e flutuantes que ele fazia e tentava fazer igual (claro, sem sucesso e com um possível machucado na testa). Seu modo de se vestir, seus clipes totalmente inovadores, aquelas coreografias com passos rápidos e notáveis até certo ponto, TUDO isso, me ajudou a levar aquilo que sou hoje.

Pode parecer exagero sabe, mas parem e pensem, o que seria do mundo sem os Beatles? Com certeza seria outra coisa que não conhecemos hoje e eu, que acredito que uma música, uma palavra, uma imagem ou qualquer partícula de coisa em fração de segundos pode mudar sim uma vida, digo que Michael Jackson ajudou a ser quem eu sou hoje. Isso aqui está no mínimo estranho, concordo, mas eu não sei, acho que a morte dele me deixou meio que em uma crise existêncial, não por sua morte em si, mas por N motivos que vieram depois de sua morte, que talvez tenha servido apenas como um empurrãozinho.

Sei lá gente, lembro que ouvia falar de Michael Jackson e já prestava atenção, muita gente me enchia o saco por que eu gostava dele. Confesso ainda que um dos meus sonhos sempre foi dançar com um multidão de gente Thriller para uma platéia bem lotada. Já imitei tantas vezes os zumbis do clipe, já perdi as contas das tentativas de fazer sua coreografia, ou de bater a perna pra cima e dar aquele gritinho dele, ou até de tentar imitar a voz dele quando canta (minha voz é medonha ok?)... pessoal, Michael Jackson é O CARA.


Com 5 anos de idade ele era a estrela do Jackson Five. Não tentem negar, todos ali tinham talento para a música e para a dança, mas quem chamava a atenção de todos os holofortes e olhares da platéia era o pequeno menino negro que cantava com alegria e festividade, dando um toque infantil para a música (tenho ABC no meu MP5) mas que cabia perfeitamente na vitrola de qualquer adulto. Mas não podemos nos esquecer também que Michael sofreu uma perda de infância tremenda. Seu pai batia no pobre garoto, obrigando-o a treinar a voz durante horas todos os dias em um porão da casa deles.


"É hipocrisia exigir que Michael Jackson amadureça agora sendo que obrigaram-no a amadurecer com 5 anos de idade."


Sabem, de uma forma ou de outra, Michael conseguiu se tornar o sucesso. Talvez, como dizem nossos pais em momentos difíceis, o que tem que ser, será e digo isso por que talvez Michael Jackson tinha que ser um sucesso. Ele saiu de sua antiga banda familiar e cresceu sozinho no mundo musical e artistico, se mostrou diferente e inovador e fez com que a música desse uma reviravolta no mundo todo e caísse aos seus pés.

Ele inventou um novo jeito de dançar, um jeito extremamente diferente e legal!! Mudou a concepção de video-clipes, colocando uma história na música a ser tocada, uma face para a melodia e letra. Ele foi o cara que mais vendeu albuns no mundo inteiro, Thriller está no Livro dos Recordes. Ele fez décadas dançarem e se divertirem, 4 décadas, nenhum cantor fez isso até hoje.


Ele também teve escândalos, assim como qualquer outro cantor. Foi a juri, teve seu rosto colocado para milhões de câmeras, foi zombado e mais um monte de coisas que todos nós sabemos, por que todos nós vimos. Fez cirurgia no nariz, tem vitiligo e usa doses industriais de maquiagem para esconder isso, pois é uma pessoa pública.

Michael Jackson esteve a mercê da imprensa por diversos motivos que cobriam sua carreira, mas mesmo assim, querem sinceridade de minha parte? Eu gosto do Michael Jackson a ponto de não me importar com tudo isso, as acusações em torno dele, seus momentos estranhos, suas histórias misteriosas, branco ou negro, o que isso tem a ver? Mariah Carey não tem o cabelo liso daquele jeito não viu?
Michael Jackson não se foi, vai continuar aqui, pois nunca ninguém vai esquecê-lo, ele virou uma lenda, um mito. Do pop ao hiphop, ele fez a sua parte e deixou uma parcela de sua influência em toda a música e em toda a história. Michael Jackson é Michael Jackson.


Então, obrigado Michael!!
E para aqueles que ficaram tristes: Apenas Dance (Just Dance)
pois era isso uma das coisas que ele fazia de melhor.

Abraço a todos
e até a próxima vez.

14 comentários:

Rosana Ibanez disse...

Oi Douglas! Estamos todos tristes mesmo e confesso que está difícil de acreditar que seje real tudo isso que está acontecendo! Ele sempre foi meu maior ídolo e tudo o que relatou no seu blog é verdade, pois devemos agradece-lo pelos momentos em que pudemos apreciar a sua arte de dançar, cantar e representar, onde só ele e mais ninguém sabia fazer tão perfeito. Estou muito triste e eternamente ele continuará vivo no meu coração, pois ele era mesmo o Cara, como vc disse.
Beijos e a sua homenagem foi linda!

introspectivasim disse...

Ele realmente pode ter feitas coissas atípicas, mas quem somos nós para julgar?

Uma vida triste sim, mas seu talento não pode deixar de ser reconhecido. Muitos artistas que brilham hoje, como Justin Timberlake, Britney, a própria Madonna, entre outros, possuem em suas músicas, influências do pop trazido por Michael.

Michael era não apenas um excelente cantor, mas também compositor e dançarino. Inventou uma nova dança, novas coreografias.

Talentoso sim, e muito.
Merece reconhecimento!
Linda homenagem!

Um grande beijo!

Péricles Hora disse...

Umas das melhores postagens que já vi a respeito do Michael, in memory. Caí aqui desde o blog Sempre em Dia.
Gostei do seu site. Abraços

Léo Ribeiro disse...

Nossa Douglas, mandou bem, e para mim va ser um luto eterno em nossos corações, ele é o maior da música pop, um mito, fico triste, estava esperando o novo cd dele e os show´s. Mas, como disse luto eterno, e suas músicas para sempre ficará aqui para nós.
=]
(Maldito Demerol)

Simone disse...

Quando fiquei sabendo que Michael Jackson havia morrido, corri para o computador para ter certeza.

Muitos sites dando a mesma notícia trágica, mas não acreditava (ou melhor, não queria acreditar)

... Parei para pensar por alguns minutos e conclui como nós nunca estamos preparados para lidar com a morte, principalmente daqueles que nós gostamos/amamos.

O Michael Jackson era incrível *-*
eu sou uma das que achava que ele era imortal.

mas, a morte é surpreendente
e... MJ vai fazer muuuuuuita falta.

Douglas disse...

Sim.. ele vai fazer uma enorme falta.

Sabem, Michael Jackson é simplesmente demais, para não dizer mais coisas.
Muitos se inspiraram nele mesmo, até roqueiros (o cara do Kiss diz até hoje que o solo de Beat It é um dos mais perfeitos que existem e já fez muitas vezes no show deles).
Ele é uma lenda sabe e com certeza LUTO eterno. Melhor, luto não, por que ele vai continuar na memória, na história e em todo lugar, por que a música de hoje não seria nada sem ele.... (assim como outras maravilhosas personalidades que existiram..).

Quando soube da morte também não acreditei.. foi algo tão chocante e impatante que pareceu não ser verdade, ele parecia que seria imortal sabem?

Vi agora a pouco um documentário na Record sobre ele onde uma fã começou a chorar dizendo que parecia que conhecia o Michael de perto e que sentiria muito a falta dele.. a fama dele é tão grande que acho que meio que todos sentiram isso sabem..

Ele era incrível e sempre será. Ele é imortal..

valeew pelos coments
XD

Paulo [ALT] disse...

douglas, mandou bem mesmo
uma das melhores postagens sobre o michael que eu jah vi [2]
pensei em postar sobre ele no blog mas meio que to esperando um tempo quando a poeira baixar.
e cara, pra falar a verdade, eu passei a curtir ele por causa da minha mãe. ela tem o LP do We Are The World e qndo vc ouve akilo e o disco girando lah eh mágico, vc vive no tempo.
qndo li a sua passagem "era o pequeno menino negro que cantava com alegria e festividade" me bateu uma tristeza enorme, a mesma de depois do choque de qndo eu ouvi a notícia.
sempre vou lembrar dele como um dos maiores representante das crianças e pode ter ctza q nada do q falaram eu considero.
o primeiro astro que eu presencio isso. depois de elvis e alguns dos beatles. mto triste.
mas vou lembrar e curtir a música dele com alegria. grande michael. e eu não ri em nada do que vc disse, não. ok.. talvez qnto a "voz medonha", mas eh só oaeihaheoi [a minha tb num eh american idol não hehe]
grande post cara
abraço

Jú Souza disse...

uau, adorei o post. realmente ele vai fazer muuita falta. uux, tenho até o vinil dele guardado lá. aquele estilo de dançar e de cantar que era praticamente impossível de não se contagiar. é Michael, apesar de todos os escândalos, vai muuita falta na música.

beeijo Douglas *:

Leonardo almeida disse...

adorava tanto ele "/

Luiza de fato! disse...

Pra falar a verdade eu não sou fã dele mas é inegável que ele foi o CARA!
Mas enquanto vivo ele se fez imortal.
Bonita homenagem.

E muito obrigada pelo comentário no meu blog.

Beijo;*

Déia disse...

Parece que teremos que nos adaptar as perdas, é realmente muito ruim ficar sem Elvis, Lennon, Fredy Mercury, Michael...
São inesquecíveis, sem discussão, mas o mundo ficará a partir de agora, um pouco mais triste sem seu menino voador!
bj

Douglas disse...

Total verdade.. onde vai parar o mundo me perguntei esses dias.. sério, parem e pensem: Quem iremos apresentar pros nossos filhos? Michael, Beatles(alguns), Fred Mercury, Elvis, Dercy e tantos outros que tão indo.. o mundo está perdendo grandes jóias sabem.. muito triste.

Eu adorava ele.. era demais.
Valeew pelos coments pessoal!!

Paulo [ALT] disse...

e ae cara
vi seu comentário do true blood lah
po, se vc tiver chance de ver... eh mto tudo engenhoso. tudo bem q eu assisti o piloto e parei. mas eu continuei depois e comprei o dvd ainda. alguns extras mostram "propagandas", comerciais de tv, do suposto True Blood, akelas garrafinhas de sangue. mto engraçado.
teh mais o/

Douglas disse...

eu vi esses dias que a personagem principal é a Anna Paquin, na revistinha da TVA rsrs..

eu não tenho HBO Ç_Ç
se tivesse eu acompanhava..
mas vejo se arranjo um jeito hehe..

falooow paulo!!